Seus produtos estão com tributação correta no seu cadastro?

A situação tributária brasileira pede muita atenção. Uma necessidade muito comum neste sentido é o acompanhamento de mudanças nas legislações. Especialmente as que regem valores a ser pagos sobre produtos. Contudo o varejista, dentro de suas atividades diárias, pode não dispor de tempo, ou até mesmo recursos, para este acompanhamento. É verdade que a ação de contadores, assim como o uso de sistemas informatizados, pode facilitar a vida destas empresas. Ainda assim há questões com o qual o varejista precisará lidar de forma muito atenta. A classificação tributária no Cadastro de Produtos é um exemplo.

Quando este cadastro é feito de forma correta a empresa evita uma série de aborrecimentos. No fim das contas, produtos corretamente classificados serão um fator importante para alcançar uma gestão de varejo eficaz. Vale lembrar ainda que dados tributários vão incidir diretamente sobre o custo da mercadoria. Todavia a quantidade de produtos que demanda atenção neste processo torna a tarefa complexa. No caso de um supermercado, controlar a tributação de cada item disponível exige que colaboradores capacitados sejam alocados.

Se por um lado os tributos estão ligados ao preço de venda, por outro definirão o pagamento de impostos. Nunca é demais lembrar que PIS, COFINS e ICMS são importantes para o seu negócio. A tributação dos produtos deve estar corretamente cadastrada para que você possa calcular estas contribuições sem erros. Tenha em mente também que recursos como a nota fiscal eletrônica facilitam a verificação de pendências por parte do governo.

Sabemos que há alguns problemas recorrentes por descuidos no cadastro de tributação. Por exemplo: muitas empresas vão pagar impostos a mais. É um erro ligado a notas fiscais com alíquota de ICMS errada. Ainda que liquidar um valor maior não cause problemas com a receita, trata-se de uma perda desnecessária de dinheiro. Outro risco que o seu varejo corre pelos erros de cadastro é pagar tributos a menos. Neste caso a empresa terá problemas com o fisco uma vez que a irregularidade seja notada. Na melhor das hipóteses bastará pagar a diferença. Mas é latente o risco de se receber uma multa, cujo valor costuma ser considerável.

Para que se mantenha sempre atualizado, um cadastro de produtos precisa de acompanhamento constante. Em alguns casos pode ser até vantajoso para a organização contratar serviços especializados de outras empresas. Assim você poderá desafogar recursos desta atividade enquanto atua no mercado de forma mais segura. Os custos podem inclusive ser menores do que aqueles necessários para manter uma equipe própria que lide com cadastros de tributação.

Estes serviços de controle cadastral da tributação dos produtos costumam ser complexas, mas com um serviço terceirizado de qualidade isso pode facilitar bastante. Fato que manterá sua empresa sempre informada de alterações tributárias. Afinal, os valores dos percentuais de impostos Estaduais e Federais de produto podem variar com frequência. Uma empresa de confiança pode tratar desta questão para o seu negócio com facilidade. Esta é uma forma de garantir que seus produtos tenham sempre a tributação correta no seu cadastro.

Saiba mais

Quer saber mais sobre os desafios da vida empresarial e entender a melhor forma de lidar com o seu administrativo? Dê uma olhada nos outros textos do nosso blog. Para serviços de controle dos aspectos contábeis da sua empresa, entre em contato. A MS CONSULTING oferece diversas soluções para as suas necessidades. Solicite agora mais informações através da nossa página.