Não cometa este erro com a sua estratégia de precificação na crise

São inúmeros os erros que um empreendedor pode cometer ao iniciar um negócio. Entre eles estão o descuido com a precificação daquilo que se vende. É comum que empresas entrem em falência por simplesmente ignorar o público-alvo no momento de atribuir um valor aos seus produtos ou serviços. Sem saber das condições financeiras e características mais básicas desses prováveis clientes é impossível encontrar um preço justo e atraente para os mesmos.

Outro motivo bastante bobo que faz com que muitos percam clientes é a não alteração dos preços de acordo com o momento financeiro vivido pelo país. E essa mudança não pode ser brusca, precisa acontecer lentamente, para não afugentar seu público-alvo.

Porém, entre todos os erros que podem ser cometidos no momento da precificação, o mais importante é a falta de atenção na rentabilidade de produtos e serviços oferecidos pelo seu negócio. Ficou em dúvida sobre como fazer isso? Então venha com a gente descobrir mais sobre o tema e as formas de evitar errar nesse ponto durante a administração da sua empresa:

Nunca ignore a rentabilidade do produto ou serviço durante a precificação

Isso é tão óbvio que fica difícil entender como algumas pessoas pecam na administração por não atentarem para rentabilidade no momento de atribuir valor ao que se está vendendo. Pois, é impossível garantir a rentabilidade de um negócio, se simplesmente ignorá-la nesse momento tão importante. Isso tudo requer uma análise completa da situação financeira do empreendimento.

A rentabilidade está relacionada à quantidade de lucro que a empresa garante com a venda de um produto de acordo com o investimento necessário na sua aquisição. Sendo assim, se o produto for vendido por um preço abaixo de quanto ele vale, ainda que venda bastante unidades, tendo uma aparente rentabilidade, isso irá trazer prejuízos ao negócio.

Dessa forma, tanto no momento da precificação, quanto quando se faz alguma promoção, é preciso cuidar para que o preço fique acima do valor investido, para que garanta a rentabilidade da empresa. E os efeitos desse erro serão sentidos, se não de imediato, a longo prazo. Trazendo um verdadeiro caos financeiro para seu negócio, pela simples falta de atenção a rentabilidade dos seus produtos ou serviços.

Você deve estar se perguntando agora: Mas como exatamente faço esse cálculo? Fácil, você usará uma fórmula básica para obter esse valor que é o lucro líquido multiplicado por 100, e na sequência dividindo o resultado pelo investimento inicial (Lucro Líquido x 100 ÷ Investimento = Rentabilidade). Se o resultado for negativo significa que há algum problema de rentabilidade e muito provavelmente está relacionado à precificação dos produtos.

Ainda acha complicado realizar esses cálculos e atribuir valor correto aos produtos ou serviços que oferece? Calma, basta que conte com assessoria de uma empresa especializada que lhe dará todo o suporte nos momentos que necessitar. Nós podemos te ajudar com softwares e consultoria financeira, o que tornará sua administração muito mais tranquila.

E aí, gostou deste texto ou ele foi útil de certa forma para o seu negócio? Então continue acompanhando os artigos aqui no blog. Se tiver alguma dúvida ou quiser contratar nossos serviços, entre em contato conosco e descubra a melhor forma de precificar seus produtos, e muito mais sobre questões contábeis.